Pessoas boazinhas demais…


Ninguém é necessariamente bonzinho o tempo todo, a realidade é esta. Não somos perfeitos, logo, onde há bondade demais sem nenhuma reclamação, devemos manter os dois pezinhos lá atrás. Sim. Os dois. Eu costumo acreditar naquela história do “se eu passar e minha sombra estiver torta na parede, eu volto e passo outra vez”.
Dai você diz: Ah, mas peraí, também não podemos viver desconfiando de tudo e de todos, né?

Ei, olhe em sua volta, é o mundo! Junte-se!
Você é perfeito? Existe alguém perfeito? Não. É só prestar atenção. É só ativar o seu desconfiômetro. Todo mundo tem seu momento de fúria. Todo mundo um dia explode. Se nunca explodiu, explodirá. Acredite. Por mais calmo que seja. O “concordar” com tudo o tempo todo é bondade demais para um ser humano, mesmo se este for o “Papa”, afinal até ele discorda e tem opinião PRÓPRIA.
Pessoas que se mostram boazinhas o tempo todo e vivem fazendo propaganda disso, normalmente são dignas de uma boa observação. Sabe quando a pessoa é efusiva demais? Muitos abraços, muitos sorrisos…Fazem-se de bobos para se dar bem com os outros e NUNCA agradecem OLHO NO OLHO.
A propaganda que vendem é a de que possuem um ótimo coração e são as melhores pessoas deste mundo. Ah, e sempre concordam com tudo. Em absoluto.
A realidade é uma só. Ninguém faz nada de graça pra ninguém.
Alguma vantagem o “bonzinho demais” quer. Ou esta bondade toda tem haver em querer agradar a família para conquistar o marido, ou na pior das hipóteses para puxar o tapete alheio.
Sorte daqueles que possuem amigos “rebeldes”. Rebeldes de se “rebelar” mesmo. Daqueles que falam tudo o que pensam na hora, discutem, tem opinião formada e nunca escolhem o verde porque você gosta de verde. Amigo não é aquele que passa a mão na sua cabeça o tempo todo e sim aquele que briga, discute e te empurra pra frente a base do tapa, se descobrir que só assim você vai conseguir entender. Não quero semear a discórdia, mas comece a reparar naquele seu pseudo-colega que vive puxando seu saco, fazendo todas as suas vontades sem você pedir, que concorda até em ir para o Alasca contigo nas férias de verão, que está sempre pregando a teoria do “meu coração é enorme e eu tô aqui só pra agradar a tudo e a todos”. Sério. Alguma coisa este povo quer. E você só vai descobrir de duas formas: Ou no dia que esta pessoa conseguir o que queria (e daí você não vai servir mais pra nada) ou quando conseguir puxar seu tapete.

Rodeie-se de pessoas que pensam. Pessoas que tem opinião própria, que defendem o que pensa, que sabem pedir o que quer, que sabem falar não (sem medo de perder sua admiração), que se quiser fazer você de degrau pra conseguir alcançar o que quer, vai te pedir AJUDA e não lamber o seu chão.

CRÉDITOS: Tive a imensa alegria de escrever este texto à duas mãos (mãos direita!), com a ajuda da minha “quase” irmã Elaine Milanez, pelo qual tenho muito apreço. Pessoa que demonstra de verdade o quanto uma amizade é feita de milhões de puxões de orelha. Pessoa que eu tive o prazer de conviver desde o momento que me descobri “gente” e que ainda hoje muito me ensina. Obrigada!

Anúncios

11 opiniões sobre “Pessoas boazinhas demais…”

  1. Este texto é perfeito….
    bonzinhos demais … isso não existe…
    gosto de pessoas boazinhas MAIS NÃO O TEMPO TODO.. TIPO MEU CORAÇÃO É UM FUSCA SEMPRE CABE MAIS UM… EU GOSTO MUITO MAIS DE PESSOAS q discutem, q tenham opinião propria, que se tiver q brigar vai brigar ou seja pessoas verdadeiras…
    bJOOOOOOO

    Curtir

  2. Para mim nao existe pessoas boazinhas demais, existe sim pessoas que abaicham a cabeça para o que os outros dizem, pessam, necessariamente no que os outros vao dizer se tormar determinada atitude. Temos que acordar para o mundo e agir, pois se nos nao fazemos algo que magoe o proximo, ou algo que possa alerta-lo……pode contar que o nosso proximo será o primeiro a nos apunhalar pelas costas.

    Curtir

  3. Perfeito pensamento!! odeio gente assim! Td piora qnd os outros caem nisso. Quietinhos e bonzinhos demais são os piores… Afinal, o desconhecido é sempre mais perigoso. Nojo desse tipo de gente!

    Curtir

  4. Eu sou muito “Reservado” eu converso com todo mundo e tal. Sempre sou daqueles que o que está me incomodando, eu prefiro guardar pra mim pra não magoar a outra pessoa… Sempre respeito a vontade dos outros primeiro, e não a minha e tenho que mudar isto urgentemente, não sei como, eu tenho medo de ofender, magoar as pessoas em minha volta, não quero isto nunca. Jamais quero passar por cima de alguém, ou converso com alguém por puro interesse, e sim porque gosto muito destas pessoas, alegram meu dia-a-dia…

    Curtir

Deixe seu comentário com um e-mail válido para que você possa receber uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s