ORGULHO DE SER BRASILEIRA


Quando imaginamos dizer isso outra vez? Mudar os canais da televisão e ver que o nosso Brasil foi praticamente tomado pelo povo nas ruas, me faz lembrar (bem de leve, por conta da idade), o povo pintado de verde e amarelo nas ruas pedindo a saída do Collor. Ver tudo isso muito me orgulha, me fascina. Depois de muitos e muitos anos, finalmente o gigante acordou, como Fênix renascemos das cinzas. Não são somente os 0,20 centavos, como muitos ainda INSISTEM em pensar. O povo finalmente perdeu o pouco da paciência que ainda reinava, São Paulo foi a gota d’água para o país acordar. Está com um filho doente? Leve ele a um dos nossos mais novos estádios milionários para tratá-lo!
Finalmente colocamos em prática o tal “Verás que um filho teu não foge a luta”. Pedimos a tal ORDEM E PROGRESSO prometidos em nossa bandeira. Infelizmente, para o Brasil mudar, seria melhor devolvermos tudo aos índios e pedirmos desculpa. Começar de novo. Do zero. São tantas e tantas coisas para mudar, para consertar, para protestar que sinceramente não sabemos por onde começar. E talvez, começando pelos irrisórios vinte centavos, podemos chegar a revolução máxima. Em um país “abençoado por Deus e bonito por natureza”, nada funciona. A nossa inflação chegou em um auge tão grotesco, ao ponto do tomate ficar mais caro que um X Salada completo. O impostômetro com o ponteiro na velocidade da luz. E, em falar em velocidade, o valor do combustível não para de subir. Vivemos em um país onde a educação vem depois dos estádios, onde professores e bombeiros ganham menos do que muito supervisor de telemarketing, onde vemos filas até em hospitais particulares, quiçá em hospitais públicos, onde o desrespeito reinou de uma tal maneira, que os políticos não respeitam o povo, o marido não respeita a mulher, o ladrão nao respeita mais nem quem ele está roubando. As pessoas atiram para depois perguntarem o nome, as cadeias super lotadas soltam presos antes da hora para poder prender gente nova, nosso código penal ultrapassado não entende que se o indivíduo já pode ser pai, também já pode ser preso. Leis ultrapassadas que não acompanharam nem de perto a evolução nossa de cada dia. As pessoas se matam por nada, se agridem por nada, a violência tomou conta em uma tal proporção que um chiclete, simples e banal, já é um motivo para se perder a vida. Sem falar das empresas de consumo que temos por aqui, telefonia, eletricidade, tudo para, nada funciona de fato. Muito me orgulho de ser brasileira por viver em um lugar onde não há maremoto, terremoto, vulcões,  tsunamis, desastres naturais de todos os tipos. Somos um povo extremamente abençoado pela diversidade que encontramos em tudo. Somos uma mistura de pessoas, sotaques, culturas, comidas, fauna, flora, animais, clima… Mas de que adianta?
Parabéns Brasil! Conseguiram chamar a atenção do mundo sem bunda, drogas, safadeza ou futebol.
Desculpe o transtorno, estamos finalmente mudando o Brasil.

Anúncios

Deixe seu comentário com um e-mail válido para que você possa receber uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s